Ônibus que levava eleitores do 22 é apedrejado

Parece que os desesperados estão querendo reviver o clima de terror da campanha passada. Após o encerramento do maior comício realizado até agora nesta campanha eleitoral, onde os moradores dos bairros Américo Nogueira, Quintas do Morumbi e Quintas do Sul compareceram em peso e sem receber dinheiro para dar apoio ao candidato a prefeito Dr. Arnaldo Texeira e ao vice Geraldo Trindade, num clima de festa, alegria e paz, marginais aguardaram em surdina a saída dos moradores dos bairros para, de forma traiçoeira e covarde, apedrejaram um ônibus lotado de pessoas, inclusive crianças, que teve quatro dos seus vidros quebrados.

Logo após o atentado, o ônibus foi conduzido ao Hospital Cristo Redentor, onde o Dr. Arnaldo Texeira juntamente com a equipe do hospital prestaram o atendimento aos feridos. A Coligação Novo Tempo Para Itapetinga prestou queixa no Complexo Policial e irá cobrar explicações da Justiça Eleitoral e da Policia Militar, pois o motivo alegado para o sorteio entre as coligações, para que apenas um evento fosse realizado por dia foi justamente para que a PM pudesse dar a devida segurança aos cidadãos. O que se viu ontem causou muita estranheza, pois mesmo notificada com a devida antecedência o comando da Policia Militar não destacou nenhuma viatura para dar cobertura a um evento onde estavam reunidas mais de três mil pessoas, ao contrário da carreata do prefeito, que contou com fartura de viaturas no cortejo. Esquisito, muito esquisito.

Após o incidente os candidatos Arnaldo e Geraldo informaram que continuarão com a caminhada da paz, da alegria e da esperança, principalmente agora “que a população está dando todas as provas que já nos escolheu para ocupar a prefeitura a partir de janeiro”. Para os candidatos essa atitude demonstrou o nível de desespero daqueles que sabedores da derrota tentam usar de meios escusos para barrar a marcha da paz e da liberdade. Informaram também que os feridos foram prontamente amparados e atendidos, e, como graças a Deus ninguém se feriu gravemente foram conduzidos as suas residências.

Espera-se agora que as autoridades constituídas tomem as devidas providências.

ASCOM-PR

 

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário