Negócios superaram a cifra de R$ 20 milhões na 42ª Exposição

Encerrou-se no domingo a 42ª Exposição Agropecuária de Itapetinga e 16ª Exposição Nacional. Segundo avaliação do Sindicato dos Produtores Rurais de Itapetinga, o evento superou todas as expectativas, já que a meta era atingir os resultados do ano passado. Segundo o presidente do órgão, Henrique Brugni, a seca trouxe alguns transtornos, mas não prejudicou a Exposição. “Sabíamos que atingir o mesmo índice de 2011 seria difícil devido à estiagem atípica para a região e a maior seca enfrentada pelo Estado nos últimos 30 anos, também tivemos um menor volume de patrocínios, enfrentamos as dificuldades do comércio local e circunvizinho e pelo próprio momento de dificuldade econômica da indústria, mas o que pudemos verificar foi um esforço enorme de todos esses setores, principalmente o agropecuário, de produção de alimentos, quando todos se uniram em prol do evento, por isso denominamos de ´Exposição da Agregação´ e até a população entendeu isso e contribuiu com o pagamento para ingressar ao Parque, quebrando o paradigma que isto em Itapetinga seria impensável”, disse o presidente, acrescentando que esta foi a oportunidade para mostrar que “estamos na gestão do Sindicato dos Produtores Rurais fazendo política para a entidade, para a classe e para a população como um todo, no caso da Exposição, e não fazendo politicagem, usando a instituição como ´trampolim político´ ou usando-o em benefício de algum partido, afinal uma instituição como o nosso Sindicato tem que sempre ser soberana. Com isso acredito que confirmamos que não somos apolíticos”, justificou.
Negócios significativosHenrique Brugni divlgou ainda que este ano um número maior de currais foram comercializados em relação a 2011 (56 x 43), mais eqüinos (recorde Mangalarga Marchador e Mangalarga) (340 x 298), mais bezerros no Leilão dos Criadores (1.155 x 785) e apesar do número menor de animais em argolas (destaque para a raça Nelore com 118 animais) com 245 x 298 e de ovinos que vieram em pouco número, foram negociados em números inicias: R$ 7.300.000,00 pelo Banco do Brasil, R$ 1.520.000,00 nos leilões, R$ 2.000.000,00 nos Currais e ainda a serem computados os negócios em stand’s, outros bancos, em argolas, restaurantes, entretenimento, entre outros. “Temos certeza que a cifra total superará os R$ 20.000.000,00 em negócios durante os seis dias do evento, fora o que irá acontecer nestes próximos 15 dias, que são negócios prospectados aqui. Ainda com relação a números e estes bastante interessantes, registramos que a Feira de Capacitação do SEBRAE que tem apoio da CDL e participação do Senac, bateu novo recorde do interior da Bahia: 3.500 inscricões e certificados emitidos durante o evento, que teve três vezes mais cursos, palestras e oficinas que no ano passado, o que confirma como a população da microrregião quer melhorar a sua qualificação e quer empreender mais”.
Serviços para a comunidadeOutra conquista que os diretores do SRI comemoram foi a inauguração oficial do Centro de Treinamento Rural de Itapetinga e Região, que contou inclusive com a presença do Secretário de Agricultura do Estado, Eduardo Salles. “Foi realmente um momento ímpar a inauguração oficial e tendo eventos concomitantes, como o Simpósio Convivendo com a Seca, no Auditório e o Curso de Lácteos e Oficinas de Cozinha Internacional e de Pratos à Base de Carnes (cozinha industrial) e ver como o Parque de Exposições pode funcionar durante todo o ano com serviços para a comunidade.”Sentimos falta da participação do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) na Exposição, pois deixamos dois espaços para a montagem do stand institucional, inclusive para que fizesse palestras naquela área próxima ao SEBRAE, mas este não compareceu, o que certamente engrandeceria ainda mais o evento”, disse Brugni, acrescentando que “verificamos também que temos que melhorar mais em quantidade de sanitários, no acesso do público em dias de bilheteria, em colocar maior número ainda de lixeiras e detalhes que o próprio público pode nos ajudar sugerindo, através do e-mail sritapetinga@hotmail.com. No mais é dizer como todos os dias da Exposição falávamos: a exposição está começando hoje! E a de 2013 está começando agora”, finalizou o presidente.
Concurso leiteiroO pecuarista Antonio Rodrigues ganhou o 1º e 3º prêmios de Melhor Produtor de Leite da região. A vaca “Katuaba”, de sua propriedade, ganhou o prêmio da categoria pela segunda vez, a primeira em 2009 quando ficou em 2º lugar. Agora em 2012 levou o 1º lugar com a média de 35 Kg leite/dia.

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário