Motociclista morre ao ser atropelado por carro próximo à Brasilgas

modelo 1Um grave acidente com vítima fatal foi registrado na noite do sábado, 10, na BA-263, próximo à Brasilgás. O trágico acidente envolveu possivelmente três veículos e deixou um morto e um ferido. As vítimas estavam em uma motocicleta Fazer, de cor azul, que colidiu frontalmente com um veículo Gol, de cor prata.

De acordo com pessoas que viram o fato, um outro carro sendo possivelmente uma Toyota Hilux não parou para prestar socorro, tendo o condutor evadiu-se do local. O condutor do Gol abandonou o veículo e fugiu.

O impacto foi tão forte que a motocicleta ficou aproximadamente 30 metros longe do corpo de Fábio Carvalho Cavalcante, de 29 anos, que pilotava a moto. Parte de uma de suas pernas foi arrancada e lançada para o acostamento.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), esteve no local e socorreu Murilo Souza Brito, encaminhando-o ao Pronto Socorro do HCR. Fábio morreu antes de receber atendimento. Murilo sofreu fratura na perna esquerda e escoriações pelo corpo.

A polícia militar preservou o local do acidente até a chegada da polícia técnica e a Coordenadoria Municipal de Trânsito (Comutran), interditou um lado da pista e controlou o tráfego.

O Departamento de Polícia Técnica (DPT) removeu o corpo para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Vitória da Conquista.

 

Dor e desespero

A notícia da morte de Fábio Cavalcante abalou toda a sua família e também à comunidade desportiva da cidade. Ele era servidor público, atuava no Sinditatiba e foi supervisor da Seleção de Itapetinga durante o Intermunicipal do ano passado. Agora em 2015 faria parte da chapa que passa a administrar a Liga Amadorista dos Desportos de Itapetinga.

Os dois motoristas envolvidos no acidente se apresentaram esta semana à polícia. Há informações de que eles estariam envolvidos em um “pega” naquela avenida.

Fábio era casado e pai de um filho.

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário