Menor responsável por homicídios é apreendido pela polícia Civil

morEle tem apenas 14 anos de idade e um currículo de três homicídios. O adolescente, em questão, parece não ter limites para disparar, com arma de fogo, contra as vítimas.

Porém, depois de várias incursões, a Polícia Civil deteve o menor. Ele estava em casa, na Vila Riachão, e não ofereceu resistância à apreensão.

De acordo com o Delegado Roberto Júnior, o adolescente é acusado de matar a garota Daniele Porcino Souza, de 13 anos, que estava na frente de sua casa, na Vila Isabel, na noite de 13 de setembro deste ano. Daniele, que levou um tiro no peito, chegou a ser socorrida, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

A polícia apurou que o infrator chegou a bordo de um Fiat Uno e fez o disparo contra Daniele. Ouvido no Complexo Policial, negou a autoria do crime e que não tinha motivo para matar uma pessoa que disse não conhecer.

“A polícia não tem dúvida do envolvimento do adolescente. A questão agora é descobrir quem era o outro ocupante do Fiat Uno e a real motivação do homicídio”, disse Roberto Júnior, que não localizou, ainda, a arma do crime.

A apreensão do menor infrator, que todos os dias dormia em lugares diferentes, envolveu policiais civis (delegados, um escrivão e investigadores).

 

Outros envolvimentos

Na noite de Sexta-feira Santa, 06 de abril de 2012, Marcelo de Souza Ferreira foi perseguido e baleado por dois rapazes. Um dos rapazes era o menor apreendido na manhã desta sexta-feira, 25, que confessou a autoria do homicídio.

Marcelo acabou socorrido, passou por intervenção cirúrgica e morreu horas depois.

Nivaldo Inhuma, de 41 anos, na noite de 05 de junho de 2012 estava próximo de sua casa, instante em que chegaram dois indivíduos numa motocicleta. O carona se aproximou e efetuou disparos que atingiram a vítima no rosto e abdômen, porém o alvo era outra pessoa.

Nivaldo Inhuma ficou internado por vinte e um dias no Hospital Cristo Redentor, onde morreu depois de ter passado por cirurgia.

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário