Jornada Pedagógica: professores em ação

“Educação, cultura e arte – vida, emoção e movimento”. Esta é a proposta de trabalho da Secretaria de Educação do Município para o ano letivo de 2012. O projeto foi apresentado aos professores da rede em um grande encontro no primeiro dia da Jornada Pedagógica, no auditório da Universidade Estadual do Sudoeste.

Na abertura, o esperado discurso do secretário Alécio Chaves, que agradeceu à equipe pela persistência em acreditar sempre e o apoio do prefeito ao setor. “No início do 4º ano à frente da Secretaria de Educação, agradeço a Deus pelo privilégio de fazer pela educação e agradeço à equipe por todo o empenho. A vocês, minha admiração”, disse o secretário, enfatizando que estava fazendo um “discurso de honra”.

Ele também chamou a equipe da Educação à responsabilidade de “deixar a história nas ruas da cidade e na vida das pessoas, através de um verdadeiro legado – que é algo que a gente infunde nos outros – e não como herança – que é o que se conta depois que você morre. É possível melhorar a educação, é possível fazer mais por esta jovem cidade”, confirmou Chaves.

 

Ano de conquistas

O representante do sindicato dos professores – APLB/Sindicato -, Renan Coelho, também falou aos presentes da sua expectativa de que o ano letivo de 2012 seja a continuidade pela busca de uma educação de qualidade. “Esta busca tem sido feita pela classe e também pela APLB, com apoio da Secretaria de Educação. O trabalhador precisa juntar forças no fazer coletivo agora em 2012, ano que tem tudo para ser de lutas, avanços, conquistas e muitas vitórias”.

 

Elogios ao secretário

Em seu discurso, o prefeito José Carlos Moura reconheceu a competência do secretário Alécio Chaves à frente da pasta, elogiando o esforço feito por ele e sua equipe para manter uma educação de qualidade no município. Citou as reformas feitas nas unidades escolares e em especial à da Resita – Residência dos Estudantes de Itapetinga em Salvador. Os professores não ficaram de fora dos elogios do alcaide: “Quero agradecer o carinho e a dedicação que o professorado da rede tem pelos alunos. Vocês não cumprem apenas o turno de aulas, vocês na realidade trabalham 24h por dia, dando carinho e atenção, sendo persistentes na busca de uma educação de qualidade. É preciso mesmo que a gente reconheça que tudo começa pela educação”.

 

O projeto para 2012

A educadora e coordenadora pedagógica Eliene Chaves foi quem fez a apresentação do vídeo do projeto da rede municipal de Educação para o ano letivo que se inicia. Ela comentou que o tema deste ano “nasceu de uma necessidade e inquietação na persistente busca pelo encantamento na sala de aula. “Não construímos nada sozinhos, sempre precisamos dos outros, a logomarca do projeto deste ano mostra o que pretendemos trabalhar. É preciso vestir a camisa da educação para que o projeto surta os resultados esperados”, disse Eliene Chaves, que fez questão de apresentar a todos que lotavam o auditório, os componentes da equipe de Educação que ajudaram a pensar o formato da programação deste ano, enfatizando que ainda estará em ação o Expresso Leiturinha, que circulará por toda a cidade e pelas escolas do campo, levando o “arco-íris da leitura”.

 

Jorge Portugal

O palestrante convidado para abrilhantar a Jornada Pedagógica de 2012 foi o renomado professor, compositor, palestrante e apresentador Jorge Portugal, baiano de Santo Amaro e criador da Central do Vestibular, direcionado a alunos da rede pública de ensino e autor dos livros “Se escola fosse estádio e educação fosse Copa” e “Redação: assim é fácil”.

Ele se disse surpreso com a coincidência de ver em Itapetinga o projeto do ano letivo muito parecido com uma proposta de trabalho que ele defende nas salas de aula, citando que unir arte e educação é atualmente “uma das melhores propostas para se conseguir êxito junto ao alunado, com excelentes resultados”.

A Jornada Pedagógica durou ainda dois dias, com atividades no auditório da Secretaria de Educação, na Escola Nair Jandiroba e na Escola José Marcos Gusmão.

Artistas locais foram contratados pela Secretaria de Educação para fazer parte da proposta de ensino deste ano. Na quarta-feira, o artista plástico Roney George foi um dos convidados para uma palestra aos professores do 6º ao 9º ano e da EJA IV e V.

 

Tags: , ,

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário