Etevaldo Souza: um grande litarato de Itororó

modelo 1Etevaldo Souza é filho do casal Manoel Nascimento Souza e Floripe de Andrade Souza, nascido no distrito de Rio do Meio, município de Itororó-Bahia, a 01 de agosto de 1968 e assim que chegou ao mundo quis logo provar ser um forte, fazendo que Dona Inácia parteira, fosse, depois de sua mãe, a primeira pessoa a conhecer o sustenido som das suas cordas vocais, quando de leve, ela lhe deu a palmadinha carinhosa para fazê-lo chorar aquele choro pragmático de um bebê ao sair do ventre materno. Pois foi assim que a velha Inácia anunciou para todos que aquele rebento era mais um molequinho do sexo masculino. “é homem”, disse ela.

Em Rio do Meio Etevaldo brincou normalmente como qualquer criança e iniciou seus estudos no Colégio Francisco Benício, tendo concluído o 2º Grau no Centro Educacional Monteiro Lobato do vizinho município de Firmino Alves.

Desde os seus 12 anos de idade que Etevaldo sentia os primeiros sinais da vocação pela literatura, influenciado, talvez, pelas revistas dos heróis de aventuras das indústrias cinematográficas. Mas, a sua adolescência não foi das mais vitoriosas, por isso, teve que começar muito cedo a laborar nas várias atividades comerciais para custear sua própria sobrevivência. Foi professor primário da rede de ensino municipal de Itororó, trabalhou no escritório da empresa de ônibus São Geraldo em Ilhéus, depois se destinou a correr trecho pelas estradas da vida, partindo para São Paulo onde trabalhou de segurança de lojas comerciais, corretor de imóveis, balconista de padaria, entre outras.

Retornando à Bahia, aos 22 anos, resolve escrever seu primeiro livro que ainda não publicou, cujo título é: “A Fúria do Trovão”, livro que exalta o suspense de um romance de ação que promete mexer com as emoções do leitor. Projeto que ainda aguarda o momento certo para ser lançado. Por sugestão do seu amigo Adelson, divulgador literário da Editora Moderna de Itabuna, Etevaldo escreve o seu segundo trabalho de literatura infantil: “A Garota Mágica”, que alcançou a marca dos três mil exemplares vendidos no ato do lançamento, tendo conseguido os melhores comentários da crítica regional.

Sendo um escritor eclético, Etevaldo procura diversificar com requintada catarse o seu estilo literário, daí escrever romance de suspense, literatura infantil e desenho artístico enfocando as principais personagens, heróis da literatura e das telas cinematográficas.

Etevaldo ainda é solteiro, porém, certa ocasião, viveu um relacionamento amoroso com alguém que lhe deu uma filha a quem devota: amor, carinho e respeito.

A fim de melhor difundir o seu trabalho literário, o jovem escritor vem participando com boa aceitação de bienais, feiras de livros e outros eventos que possam tornar mais conhecido o seu estilo de literatura. Ultimamente, o jovem literato provando sua habilidade em outras atividades profissionais, ocupou espaço no quadro funcional da unidade de produção da empresa calçadista Vulcabrás|azaleia, no distrito de Rio do Meio, município de Itororó e na matriz da empresa na cidade de Itapetinga.

A convite do seu amigo e colega escritor Miro Marques, Etevaldo aceitou compor o quadro de voluntários que fazem desta obra literária a mais importante relação de heróis que se sacrificaram, mas contribuíram para construir a belíssima história do povo itororoense.

O escritor Etevaldo Souza aproveitou um evento cultural de verão que aconteceu em Rio do Meio, a 15 km de Itororó, para lançar o seu primeiro livro de literatura infantil, “A Garota Mágica” que esgotou o estoque na noite de autógrafo.

Empolgado com a aceitação do público, não só infantil, mas também adulto, o autor já pensa em combinar com a Editora Parma Ltda,.de São Paulo, para fazer lançamento a nível nacional.

A Garota Mágica além de ser uma novidade literária entre as obras dos autores regionais que pensam mais em escrever poesias, contos, histórias e outras áreas literárias, apresenta as aventuras de Valéria, uma garota cuja magia, irradia um clima de emoção e constante expectativa, uma vez que a heroína em foco não descansará até resolver todos os obstáculos para que sua pequena vila encontre a paz e a felicidade.

De forma muito sensível e sutil, o autor Etevaldo Souza introduz a criança num mundo habitado por bruxas, fadas e bichos, abrindo um caminho que vai do abstracionismo da hipérbole à possibilidade metafórica; do sonho à palpável realidade; a medida que recria o maravilhoso mundo de infância…

Entre os 31 escritores de Itororó, Etevaldo Souza é o único voltado para a magia do mundo encantado da criança. E o faz com maestria e encimado conhecimento pedagógico.

A “Garota Mágica” é um livro de brilho intenso e eletrizante, pois o universo habitado por essa personagem, linda e vibrante, é repleto de aventuras, mistérios e expectativas. E é este mundo dominado por bruxas, fadas e seres extraordinários, que cria uma trama tão rara e envolvente capaz de levar jovens e adultos a se sentirem invólucros ao pensamento do autor e aos desejos de sua personagem. Recomendo, pois, uma leitura minuciosa e poderá descobrir que a “Garota Mágica” é o livro infantil, genuinamente colossal, que você possivelmente conhecerá para o resto de sua vida.

O livro já se encontra em todas as bancas de revistas e algumas livrarias da região, inclusive na Banca Maringá, na Praça Augusto de Carvalho, no centro de Itapetinga.

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário