Em Itororó, caminhada contra o abuso sexual e em prol da luta antimanicomial

modelo 1No último dia 18 foi comemorado o Dia Nacional Contra o Abuso e Exploração Sexual da Criança e do Adolescente e também começou a semana de comemorações da Luta Antimanicomial. Por isso, uma parceria entre as secretarias de Desenvolvimento Social, Saúde e Educação reuniu estudantes, usuários do CREAS e do CAPS, agentes comunitários de saúde e a população em geral em uma caminhada que aconteceu no dia 19, segunda-feira e percorreu as principais ruas da cidade.

Alunos e usuários do CREAS e do CAPS carregaram faixas de encorajamento à importância em se denunciar o abuso sexual contra crianças e adolescentes e em prol da Luta Antimanicomial. Na sua origem, esse movimento está ligado à Reforma Sanitária Brasileira da qual resultou a criação do Sistema Único de Saúde – (SUS); está ligado também à experiência de desinstitucionalização da Psiquiatria em uma reforma como um todo.

Durante toda a semana o serviço de saúde mental municipal através do CAPS realizou palestras e eventos relacionados à batalha contra a luta antimanicomial. A começar com a palestra ministrada por Vagner Pacheco – Técnico do INSS e Aline Farias – Gerente do INSS de Itororó que na oportunidade vão esclarecer dúvidas sobre os direitos dos portadores de transtorno mental ao BPC (Benefício de Prestação Continuada).

(Por Keile Araújo com fotos de Léo Silva)

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário