Câmara rejeita contas de 2011 do ex-gestor Padre Aguinaldo

modelo 1O clima ficou tenso na Câmara Municipal na noite da última segunda-feira, 17, em Firmino Alves.

Com 8 votos a favor e apenas 1 voto contra as contas do exercício de 2011 da prefeitura municipal na gestão do ex-prefeito Padre Aguinaldo (PSB) foram rejeitadas pelos vereadores.

Segundo esclarecimento de um dos edis que votou favorável â rejeição das contas: “Não houve praticamente prestação de contas do ano de 2011, justo que ele seja julgado na força da Lei”.

Outras contas do ex-gestor foram julgadas e também rejeitadas. Confirmando-se a rejeição, o padre poderá ficar inelegível por 8 anos. A decisão cabe recurso.

Informações do Blog Itororó Já

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário