CAATIBA: Jovem morre arrastado por forte enxurrada

No último sábado, 3, ocorreram pancadas de chuva em toda a região, principalmente no município de Caatiba onde a chuva provocou muitos estragos em diversas pontes, derrubou muros, acabou com estradas, provocou deslizamentos interditando estradas, invadiu residências, estourou açudes de diversas fazendas, arrastou vários animais e provocou terror na população.

Naquela noite, por volta das 23h, alguns amigos retornavem de uma vaquejada na região de Itapetinga. Um deles era Juliano, secretário de Finanças do município, proprietário do veículo que os conduzia, um Ford Fiesta. Com ele estavam o cunhado Edvan e mais dois amigos. Segundo eles, há 5km da cidade de Caatiba, debaixo de uma fortíssima chuva em que a visão estava gravemente comprometida, se depararam com uma baixada bastante alagada e ao perceber que estavam em meio a muita água já não podiam fazer mais nada, pois o carro já estava boiando. O secretário contou que àquela altura já tinha virado passageiro e a água controlava o carro e o puxava para a ribanceira. Todos conseguiram sair do carro, inclusive Edvan. Juliano e os outros dois amigos conseguiram segurar-se em árvores junto à estrada quando o carro boiava nas águas, mas Edvam não conseguiu se agarrar e desceu junto com a correnteza.

Momentos depois o ônibus da Vulcabras|azaleia que transportava de volta para Caatiba os trabalhadores que acabavam de sair do serviço em Itapetinga, por pouco não foi arrastado pelas águas. Os passageiros entraram em pânico quando se depararam ilhados em meio a tanta água que cobria o horizonte visível, mas felizmente o motorista conseguiu colocar o ônibus em local seguro.

As vítimas sobreviventes, amigos, Polícia Militar, bombeiros de Vitória da Conquista e da Vulcabras|azaleia, vaqueiros da região, todos ajudaram na busca de Edivan Barbosa Souza, 30 anos, até que o encontraram em meio a entulhos no entroncamento do Rio Caatiba com o Catolé, alguns quilômetros rio abaixo, já sem vida. O rapaz era casado e muito admirado e amado por parentes e amigos que choraram a sua lamentável partida.

(Com informações de Allan Carvalho)

 

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário