APAE comemora seus 36 anos de existência

APAENo final da tarde da última quinta-feira, 24, a APAE – Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais – foi palco de uma comemoração especial pela passagem de seus 36 anos de fundação. Presentes para abrilhantar a festa, as ex-presidentes Lúcia Brito e Lourdes Pedrosa, ex-diretores, autoridades, alunos e pais de alunos da instituição.

A equipe apaeana, comandada pela presidente Vandi Maria das Virgens e pela diretora Ana Deogracias, organizou uma programação que criou oportunidade para que os presentes pudessem ter uma noção da importância do trabalho da APAE e de quanto ela cresceu nesses seus 36 anos de existência.

Uma das fundadoras da instituição, Fátima Sarmento, que não pôde se fazer presente à solenidade, registrou em carta as lembranças de 36 anos passados que a motivaram a lutar pela criação da APAE. “São muitas as emoções que vem à tona neste momento”, escreveu ela, acrescentando que foi em 18 de setembro de 1971 que, aos 24 anos, “uma mãe insegura de primeira viagem, tive o meu primeiro filho portador de paralisia cerebral. A partir daí, iniciei uma grande jornada. Um caminho de desafios, verdades e luta. Uma luta para salvar a dignidade dos portadores de necessidades especiais. Foi assim, que surgiu a APAE de Itapetinga”.

Fátima comentou ainda em seu escrito que foi motivada pela ilusão de alfabetizar esse filho, que fez uma especialização que se tornou “o ponto de partida para implantar uma classe especial em uma escola de Itapetinga, visando o atendimento de crianças com necessidades semelhantes. A repercussão desse trabalho, através do Jornal Dimensão, do amigo Flávio Scaldaferri, sensibilizou Juvino Oliveira, que cedeu parte de sua fazenda para ampliar esse trabalho, dando origem posteriormente à fundação da APAE”.

A fundadora da APAE disse que fazia também questão de prestar uma homenagem a todos aqueles que passaram por lá: presidentes, diretores, educadores, técnicos e demais funcionários. E que a comunidade de Itapetinga também está de parabéns por sustentar o movimento apaeano.

O presidente do Rotary Club, Edson Vieira, entregou à presidente da APAE uma Moção de Aplausos do Rotary, fazendo referência a todas as outras presidentes e diretoras que estiveram à frente de tão especial instituição. Quem também homenageou a APAE foi a professora e musicista Leniza Souza Santos, com uma placa comemorativa da data e ressaltou a importância da instituição para o município, citando inclusive que tem em sua Fundação alunos que são também integrantes da APAE e se encaixam perfeitamente no perfil de integrados à comunidade, graças ao apoio recebido dos profissionais da instituição aniversariante.

Números musicais e de dança envolvendo os alunos e funcionários marcaram outra parte das comemorações. Um bolo foi servido aos presentes em coquetel depois das apresentações e homenagens à atual presidente, Vandi Maria das Virgens.

Tags: ,

Sem comentários ainda.

Deixe um comentário